segunda-feira, 16 de maio de 2011

Ensinando o que se deve fazer no Brasil

Recebemos diariamente tapas em nossas caras e, por respeitos humanos e/ou falsa caridade, ficamos calados diante da degradação a qual afunda nossa sociedade. Somos convenientes com a degradação moral de nossos tempos e por covardia e medo ficamos calados dentro de nossas Igrejas e grupinhos com medo de falar a verdade. Somos silenciados por meia dúzia de Homossexuais e companhia limitada que fazem a algazarra aparecendo como se fossem milhares. 

As pautas do Governo, televisão e meios de comunicação em geral nos escandalizam com o descaramento de nos entorpecer com absurdos que são passados como coisas comuns. Somos invadidos e dentro de nossas famílias somos degenerados e assistimos a nossa educação, moral e ensinamentos cristãos serem esfarrapados.

Em contrapartida, nós ficamos caladinhos como covardes sem reação alguma. Quantos bispos, padres, religiosos e leigos mesmo manifestaram contra a lei aprovada pelo Superior Tribunal que permite a união civil entre homossexuais? Estamos mudos. Estamos calados. Estamos acovardados. 

Ao invés dos católicos se unirem contra o gigante que se aproxima, ficam separados e isolados como medíocres  Enquanto a Igreja Católica é atacada por todos e todos os lados, alguns ficam com birra infantis contra o Papa e o magistério batendo no peito cheios de 'orgulho' como os salvadores da Igreja.

Acordemos católicos. Acordemos antes que seja tarde de mais. Só quando os católicos tiverem consciência que só eles podem salvar o mundo é que as coisas vão melhorar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas atualizações